Seja bem-vindo. Hoje é

15 de set de 2014

MORRI


Morri...
O sonho dormiu demais
e não viu as primaveras
passarem nos roseirais.

Morri...
Morri de amores banais
e de saudade de tantos
não vividos nunca mais.

Morri...
Sonhei os sonhos da lua
ou vivi entre as estrelas
das poças d’água da rua.

Morri...
Mas se a vida continua,
foste começo da minha
e eu fui começo da tua.

Afonso Estebanez

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E-book