Seja bem-vindo. Hoje é

20 de mai de 2010

O nosso eu


Sou o tocar das horas
nas mãos insolúveis do tempo,
ou a força desmedida do mundo
que ressoa dentro de nós

Somos um todo incompleto,
a saudação do sol invernal,
a espera de um amanhã tardio,
uma sombra que se encontrou
e no vento se desfaz

Meu eu mergulha em névoas
como se fosse um ser no nada,
ou a surpresa de cada compreensão,
que vai se juntando
na construção do ir sendo e nada mais


Conceição Bentes
Publicado no Recanto das Letras em 04/05/2010
Código do Texto: T2236474

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E-book