Seja bem-vindo. Hoje é

20 de mar de 2009

QUEM QUER QUE SEJA...


Quem quer que seja vem vindo
mar adentro ao ventre afora...
Lua cheia num crepúsculo
navegando rumo à aurora...

Quem quer que seja vem vindo
como a flor recém-nascida
na parte reencontrada
de minha parte perdida.

Vem vindo do lado alegre
de meu lado descontente
vivendo do instante eterno
de viver eternamente...

Como canção pressentida
num leve roçar do vento
na superfície das águas
serenas do pensamento.

Qualquer semente cativa
na flor do ventre a pulsar...
Qualquer estrela cadente
nas águas fundas do mar...

Quem quer que seja vem vindo
dos meus instintos secretos
como um anjo reencontrado
no exílio de meus afetos...

Maior que o reino de mim
por quem sonhado me iludo
a mim pode vir sem nada
que em mim é dono de tudo...

A. Estebanez
(Poema dedicado ao meu filho Mark R. Estebanez Stael)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E-book