Seja bem-vindo. Hoje é

26 de mar de 2009

ENTRE LUZ & SOMBRAS


Coloco-me de costas para o sol nascente
a sombra me vai só na via da lembrança
e o meu amor vai só na alma indiferente
jacente na canção remota da esperança.

Lembro de sonhos do futuro no presente
de reviver amores que o esperar alcança
das rosas fugidias de um jardim ausente
a despeito dos amanhãs em abundância.

A noite é feita de uma luz remanescente
a beirada da aurora é que me recomeça
pela estrada de volta para o meu futuro.

Vaga-me a alma pelos restos do poente
chegar é só o sonho para quem começa
e começar é conseguir andar no escuro.

A. Estebanez
(Dedicado ao notável poeta
Jenário de Fátima)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E-book