Seja bem-vindo. Hoje é

31 de out de 2011

ANIVERSÁRIO


Hoje eu quero de presente
as perdas que nós tivemos
daquele encontro marcado
a que não comparecemos.

As marcas dos nossos pés
naquela estrada impedida,
os rumos daqueles passos
que jamais demos na vida.

O sonho que nem tivemos
e o que temos sem querer
ao acordarmos de sonhos
que sonhamos sem saber.

Ternuras para o consumo
das nossas almas abertas
ao instinto mais profundo
de nossas vidas desertas.

Ô! rosa que não me deste
esta flor ausente em mim
ô! o crepúsculo apagando
tão cedo no meu jardim...

Afonso Estebanez
30/10/2011

3 comentários:

  1. Olá.
    Gostei muito do poema "Aniversário" e gostaria de publicá-lo no meu blog http://poesiaselecionada.blogspot.com/. Gostaria de obter a autorização do autor. Grato. Bernardo

    ResponderExcluir
  2. Ternura no instinto mais profundo, grande mestre escrevendo cada vez melhor, alias poeta é como vinho,quando mais antiga a safra melhor, parabens poeta e abcs !!!

    ResponderExcluir
  3. Gostaria muito de publicar as poesias do poeta Afonso Estebanez no site A Voz da Poesia. Me autoriza?

    www.avozdapoesia.com.br

    Feliz 2013!

    ResponderExcluir

E-book