Seja bem-vindo. Hoje é

17 de abr de 2009

AMOR DE PRIMAVERA


O amor como a primavera
é um estado de vida urgente
que não deve ser esperado
como chuva de verão...
Não, amor, não deve não!

É necessário levantar bem cedo
(enquanto a aurora dorme ainda)
e partir à procura do amor
nas lonjuras do coração...
Antes que chegue o verão!

Bom levar a vida bêbada
num traçado de brisa ao ponto
que ao sonho a alma se junta...
Antes que seja tão tarde
e ao amor pareça nunca!

Afonso Estebanez
(Dedicado à poetisa Sônia Medeiros Imamura
*Cônsul de Poetas del Mundo em Búzios/RJ)

Um comentário:

  1. Necessário e urgente que se busque o amor seja no despertar da aurora, seja no entardecer crepuscular. A vida só terá sentido passarmos por todas as estações de braços dados, mãos entrelaçadas e corpos colados... Parabéns Afonso pela candura dos seus versos em homenagem a querida Sônia Medeiros. Meu carinho a ambos!!!

    ResponderExcluir

E-book