Seja bem-vindo. Hoje é

21 de mar de 2009

POEMA EM PEDAÇOS



todo dia é um dia santo
todo dia vem o pássaro
todo dia é meu encanto
todo dia é meu cansaço

todo início é de começo
todo início é de destino
todo início tem o termo
todo início tem espinho

todo resto é de epitáfio
todo resto foi de quem
todo resto é de pedaço
todo resto de ninguém

toda noite é coisa e tal
toda noite é vai e vem
toda noite com aurora
toda noite me faz bem

todo verso eu escrevia
tanto verso na calçada
a todos passei a limpo
na memória rasurada.

(mas esse ponto final
eu não havia previsto
como um vício natural
de todo verso maldito)

A. Estebanez
(Homenagem a Paulo Leminski)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E-book