Seja bem-vindo. Hoje é

26 de jul de 2008

Canção para a Monica




O poeta é quem se alegra
de não estar indo embora
com a alma sobre a pedra
sentada à beira da aurora.

Um poeta é feito de brisa
com pedaços de alvorada
que da aurora ele precisa
sem que precise de nada.

O poeta é a parte da vida
reencontrada na quimera
de uma flor despercebida
de uma antiga primavera.

Ai da perda mais perdida!
Ai, alma de amor repleta!
Ai, razão incompreendida
em minha alma de poeta...

Um poeta é uma metade
do amor que sonha viver
como faz minha saudade
com saudades de te ver...

[A. Estebanez]

(Dedicado com carinho à notável poetisa Monica Yvonne Rosemberg – membro daAcademia Brasileira de Poesia – 7.24.08)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E-book